Que Dia é Hoje?

6/5/1941
Joseph Stálin torna-se primeiro-ministro soviético

Joseph Vissarionovich Stálin (1879-1953), líder comunista soviético. Converteu-se ao marxismo ainda jovem, entrando para o Partido Social Democrático. Tornou-se discípulo de Lênin depois da separação do partido entre Bolcheviques e Mencheviques.

Em 1911, mudou-se para São Petersburgo, onde, em 1912, tornou-se um dos primeiros editores do "Pravda", o diário oficial do Partido Comunista da União Soviética. Stálin foi preso e exilado na Sibéria, onde ficou até a anistia concedida após a Revolução de Fevereiro de 1917.

Após a Revolução de Outubro de 1917, Stálin, membro do comitê central desde de 1912, entrou para o gabinete soviético, começando a emergir como líder no novo regime. Foi eleito, em 1922, secretário-geral do comitê central do partido. Já doente, Lênin escreveu uma carta onde criticava duramente a conduta arbitrária de Stálin como secretário-geral e pedia sua retirada do Partido.

Lênin morreu antes que seu pedido fosse atendido. Após a morte de Lênin, Stálin vence a disputa contra Trotsky, tornando-se líder do governo soviético. Em seu regime, Stálin manteve o programa de consolidação "socialismo em um país". Este processo foi acompanhado por medidas repressivas e terror, que alcançou seu auge nas limpezas políticas dos anos 30 e com Yezhov no comando da polícia secreta.

Stálin acabou com toda oposição dentro do Partido, a polícia secreta concentrou todas as suas forças para acabar com qualquer pessoa que pudesse ser desleal ao país em caso de guerra. A nova Constituição foi promulgada em 1936.

Embora com alguns símbolos das instituições democráticas, o poder político foi reservado ao Partido Comunista. Em 1939, Stálin assina com a Alemanha o pacto de não-agressão, o que mantém a URSS fora da Segunda Guerra Mundial até junho de 1941, quando os nazistas invadem o país. Os soviéticos entram na Guerra ao lado dos Aliados.

Em seus últimos anos de vida, Stálin intensificou ainda mais a repressão, perseguindo inclusive seus colaboradores mais próximos. O ditador morreu no dia cinco de março de 1943 de hemorragia cerebral. Seu corpo foi enterrado ao lado de Lênin em Moscou. Em 1961, após uma votação, o Congresso decidiu pela retirada do corpo de Stálin do mausoléu de Lênin.