Que Dia é Hoje?

4/4/1968
Morre Martin Luther King

O Reverendo Martin Luther King foi um ativista dos direitos civis dos negros nos Estados Unidos. Em 1955, quando era pastor da igreja batista de Montgomery, Alabama, organizou um boicote ao transporte da cidade como protesto a um ato discriminatório a uma passageira negra.

O boicote durou um ano e Luther King teve sua casa incendiada. Começava aí sua luta pelos direitos civis nos Estados Unidos, durante a qual organizou diversas manifestações pacíficas contra a segregação racial em hotéis, restaurantes, transportes e outros lugares públicos.

Numa manifestação, King foi preso, acusado de causar desordem pública e em outra, em 1963, chamada de Marcha para Washington, conseguiu reunir 200 mil pessoas, entre negros e brancos, para pedir o fim da discriminação racial. Ainda em 1963 liderou a histórica passeata em Washington, onde proferiu seu famoso discurso "I have a dream", que significa "Eu tenho um sonho", no qual expressava os anseios de liberdade e igualdade para os negros:

"Eu tenho o sonho de ver um dia meus quatro filhos vivendo numa nação em que não sejam julgados pela cor de sua pele, mas sim pelo seu caráter".

"Sonho com o dia em que a justiça correrá como água e a retidão como um caudaloso rio".

"Pessoas oprimidas não podem permanecer oprimidas para sempre.”


Em 1964 foi premiado com o Nobel da Paz e, em 1965, foi aprovada a Lei dos Direitos de Voto, permitindo o voto da população negra. Ele uniu-se ao Movimento pela Paz no Vietnam, o que causou divergência no âmbito do movimento negro. No dia 4 de abril de 1968, King foi baleado e morto em Memphis, Tenessee, por um branco que foi preso e condenado a 99 anos de prisão.